Hortelã bom remédio para “vermes”, mas atenção, não é para todas as espécies

Recentemente foi divulgado por alguns meios de comunicação sobre o poder da hortelã no combate a doenças parasitáriasverminoses“, gostaria de parabenizar a equipe de pesquisadores e deixar um aviso para os usuários.

Antes de mais nada, quero parabenizar a equipe que estudou a planta, acreditando na sabedoria popular que já mencionava os benefícios da hortelã. Os estudos realizados pela UNB com apoio da Embrapa descobriram, ou confirmaram as descobertas dos povos mais antigos, a hortelã deve ser usada para combater “vermes”.

A substância óxido de piperitenona é eficaz contra protozoários – amebas (Entamoeba histolytica) e giardia, muito comuns no nosso país, principalmente em regiões onde não existe uma rede de esgoto eficiente. No laboratório é frequente encontrarmos amebas e giardias nas fezes de muitos pacientes quando é feito o exame EPF, parasitológico de fezes.

Da maneira como alguns meios de comunicação divulgaram a notícia sobre o resultado da pesquisa, fica a impressão de que a hortelã elimina todos os “vermes” parasitas intestinais, mas não é bem assim, o óxido de piperitenona age sobre amebas e giardia, além deste, ainda temos vários parasitas intestinais que podem ser encontrados nas fezes, os helmintos, Ascaris lumbricoides e Trichuris trichiura, ancilostomideos, e outros que também causam doenças parasitárias importantes mas que não sofrem ação efetiva da substância presente na hortelã, não eliminando estes “vermes”, por isso, gostaria de alertar para que pessoas que fazem uso da planta como forma de tratamento para parasitoses intestinais devem estar atentas a este fato, podem estar pensando que eliminaram os parasitas, e na verdade apenas alguns deles sofreram o ataque do óxido de piperitenona, enquanto para as outras espécies, os medicamentos usados para eliminá-los são outros.

A hortelã ganha um espaço no canteiro de plantas medicinais que cultivo. Para aqueles que desejam saber mais sobre as características e diferenças da planta:

A olho nu não é possível para o leigo diferenciar Mentha spicata e Mentha x villosa de outras hortelãs, que são extremamente parecidas. Mesmo assim, há algumas características próprias da planta. As folhas são rugosas e têm poucos pelos. Podendo ser usada como condimento no prepara de alimentos ou como chá. Para melhor identificar a planta veja outras dicas e também para preparo do chá.

A pesquisa no Brasil deve ser tratada com mais atenção por parte dos governantes, nossas plantas guardam muitas riquezas, soluções para muitos problemas de saúde, a preços baixos, como a equipe de UNB, muitos outros pesquisadores aguardam recursos financeiros para desenvolverem importantes projetos.

Autor Silvano Vilela

Escreve sobre exames laboratoriais, testes de farmácia e tecnologia em saúde. Compartilha neste site que fundou em 2006 experiência de um laboratório dentro de hospital.

  • geon

    Great post! Thank you for sharing. Interesting

  • http://renatapinheiro.com Renata Pinheiro

    Silvano, acredito que a mídia deveria ser mais cuidadosa na reprodução de notícias sobre saúde. Poucos jornais, revistas, sites, programas de tv, se preocupam com detalhes que podem ser muito importantes.
    Esse é um bom exemplo: como você falou, não é qualquer tipo de hortelã que deve ser usada, nem funciona em qualquer caso. Mas, provavelmente, tem quem leia uma reportagem mais resumida sobre o assunto e já saia preparando um chá com a primeira folha de hortelã que encontrar pela frente. Ao invés de melhorar, acabam agravando um problema.
    Na minha opinião, o maior problema é o título dos textos. Você escreveu “Hortelã bom remédio para “vermes”, mas atenção, não é para todas as espécies” e, assim, identificou que tem pontos positivos e negativos. Em outros sites, vi títulos como “Hortelã: santo remédio contra os vermes” e “Comprovada a eficiencia da hortelã no combate aos vermes”. Ou seja, títulos nada informativos sobre as restrições desse tratamento…

    • http://www.plugbr.net Silvano Vilela

      Renata,
      fiquei um pouco preocupado, pois a pessoa que ler um texto que fala somente sobre as “maravilhas”, vai tomar o chá e acredita ter tomado algo que vai eliminar todos os “vermes”, o que não é verdade, apenas amebas e giardias são eliminadas, não tendo efeito sobre ascaris, ancilostomídeos e outros helmintos, inclusive uma das pesquisadoras fez outro estudo para avaliar a ação da hortelã sobre os helmintos e comprovou, pouca ou nenhuma ação. Obrigado, Renata.

  • Pingback: Prevenção, Diagnóstico e Tratamento 4 | Renata Pinheiro()

  • Pingback: Silvano Vilela()

  • edna barros

    oi gostei das informações mais gostaria que tivesse um remédio que acabasse de vez com esses parasitas,que nos causam tantos problemas obrigado.

    • http://www.plugbr.net Silvano Vilela

      Sim Edna. mas existe, aqui está sendo levantado a possibilidade de ter um medicamento natural, simples e barato. Abração.

  • Fernanda Kravtz

    Olá,,, adorei matéria sobre o chá, que além de ser gostosinho e um remédio contra vermes, mas gostaria de uma indicação de um remédio que acabe com todos os vermes, um lumbrigueiro…
    porém estou tomando isotretinoina, então ñ sei se posso misturar os remédios ou se causa algum efeito colateral… se alguém poder me ajudar…
    abraços

  • jessica

    eu achei esse site muito legal principalmente porque eu estudo sobre hortela e outras plantas.

  • Thaisa

    Achei muito legal !POor que as pessoas tem que parar mesmo de beber muitos remédios achei legal esse termo de usar as plantas medicinais como o hortelã ! beijos ;D

  • Luis Santos

    Ola… estou fazendo exame de fezes. ( PPF E CROLÓGICO FUNCIONAL)para ver se estou com verminose.
    gostaria de saber, se; perda de peso, fezes com sangue, dor do lado esquerdo do intestino, são sintomas de verminose?

    • http://www.plugbr.net Silvano Vilela

      Sim, PODE ser uma verminose.

  • Jeniffer Lima

    essas informações sobre que a hortelã é um bom remedio para os vermes, mecheu muito comigo e com a minha familia tambem, e adoraria que continuace a ter esses tipos de informações, para que as pessoas, possam se curar com ervas medicinais, ao inves de ficar gastando dinheiro com remedios, que nem sempre ajudam as pessoas melhorarem

  • amauri de recife

    fantastica essa entrevista eu aprendir que os remedio natural te dar opotunidade de viver de novo pois curam e nao encomoda os outros orgaos…assim como os antibioticos que ajuda a uns e daneja outros!

  • http://www.plugbr.net/ Silvano Vilela

    Magda, não tenho essa informação, vou ver se encontrar algo informo.

  • http://www.plugbr.net/ Silvano Vilela

    Ruan, tem certeza que é verme? Mesmo depois de tantos remédios, de boa qualidade, como, albendazol e annita, e outros, como disse. Acredito que seja melhor esclarecer este problema antes, procure o posto de saúde do seu bairro, pode ser necessário exames e/ou US para averiguar. Abraço.

  • http://www.plugbr.net/ Silvano Vilela

    Procure seu médico para consulta, e exames de sangue e fezes. Abraço.

  • vertigini

    Bom, Creio que você sabe Silvano: O remédio que os médicos prescrevem para amebíase é uma “bomba atômica contra coelhos”, o Metronidazol. Uma substância neurotóxica que pode causar diversos males, incluindo neuralgias severas. A medicina tem verdadeira ojeriza contra medicamentos naturais, mas para o doente não importa. Importa a cura… Entre tomar Metronidazol e ter amebas, eu prefiro as amebas…Ou a hortelã.