Brucelose, coleta de sangue e resultados normais e alterados do exame rosa bengala, IgG, IgM e aglutinação

O exame de brucelose serve para diagnosticar e também avaliar casos de brucelose, que é uma doença onde o paciente tem bastante febre, patologia causada por bactéria, a Brucella sp. Saiba como é a coleta de sangue e resultados normais e alterados do exame rosa bengala, IgG, IgM e aglutinação para brucelose.

A pessoa pega essa bactéria quando ingere alimentos provenientes de animais que estejam contaminados pela Brucella. Esta é uma zoonose que afeta qualquer órgão.

A doença brucelose

A doença ocorre muitas vezes em pessoas que trabalham com animais, como fazendeiros, trabalhadores de frigoríficos, veterinários e demais pessoas do campo.

Além da ingestão de alimentos contaminados pode ser por contato direto com animais ou secreções dos mesmos.

Coleta do sangue para brucelose

O material coletado para esta análise é o sangue retirado da veia do braço, e depois encaminhado para o setor de imunologia.

Para este exame não é necessário ficar em jejum antes da coleta do sangue.

O resultado normalmente é liberado em laboratórios que realizam o teste depois de 5 dias. E laboratórios que encaminham a amostra para instituições de apoio demora por volta de 6 a 14 dias.

Resultados normais e alterados

O teste normalmente realizado por meio de metodologias como brucelose IgG e IgM, ou soroaglutinação (aglutinação Direta) e rosa bengala. veja os valores de referência para cada um deles.

Para Brucelose IgG: O resultado é não reagente ou negativo quando o valor for inferior a 20 U/mL.

Será um resultado indeterminado quando o resultado for de 20 a 30 U/mL.

E será um resultado reagente ou positivo quando o valor for superior a 30 U/mL.

Para Brucelose IgM: O resultado será não reagente ou negativo quando o valor for inferior a 15 U/mL.

Será um resultado indeterminado quando o resultado apresentar valores entre 15 à 20 U/mL.

E teremos um resultado reagente ou positivo quando o resultado apresentar valores superiores a 20 U/mL.

Quando o teste for realizado por aglutinação direta teremos um resultado normal quando for negativo ou não reagente.

Sendo que para obtermos um resultado confirmatório e definitivo a técnica utilizada será por hemocultura específica.

O teste de rosa de Bengala é uma metodologia de busca rápida do resultado, indicado em casos epidemiológicos. Porém, os resultados quando positivos precisam ser confirmados por meio de outros testes.

Verifique sempre os valores normais ou de referência no seu resultado de exame, seu laudo sempre irá mostrar a metodologia usada, o resultado e ao lado o valor que é normal para aquele teste.

Interpretação do resultado do exame brucelose

Níveis persistentes de anticorpos podem dificultar o diagnóstico, além de infecções subclínicas.

O IgG pode permanecer alterado por anos após a infecção.

Porém, aumento dos índices de IgG, em pacientes que apresentam sintomas indica infecção ocorrida recentemente. Sendo que o IgM pode surgir em 30% dos pacientes crônicos.

Entretanto, níveis de IgG específicos crescentes na presença de títulos IgM específicos praticamente estabelecem o diagnóstico.

Perceba que são vários testes relacionados a doença, por isso o ideal é que você leve seu resultado ao médico que solicitou. Ele irá avaliar o conjunto de informações (sintomas e resultados) para emitir o diagnóstico.

Este texto foi útil? ⭐⭐⭐⭐⭐
Avaliação média: 4.8
Total de Votos: 13

Brucelose, coleta de sangue e resultados normais e alterados do exame rosa bengala, IgG, IgM e aglutinação
Compartilhe este texto

Sobre o autor

avatar