Menstruação ausente ocorre na gravidez, mas a mulher pode experimentar ciclos menstruais longos, com atraso, irregularidades, algumas vezes acontece mesmo sem a mulher estar mantendo relação sexual com seu parceiro, indicando que a ausência de menstruação não é proveniente de gravidez, além disso eventos como, rajadas de cor escurra esporádica, tipo borra de café, correm com certa frequência. Veja as principais causas de atrasos menstruais.

Como você provavelmente já aprendeu, a menstruação é a queda mensal de seu revestimento do útero. Embora possa ser desconfortável e, às vezes chega a ser até inconveniente, a menstruação é a maneira de seu corpo dizer que o seu sistema reprodutivo está funcionando corretamente.

Assim como cada mulher é única, o período de cada uma tem sua própria personalidade. Alguns períodos menstruais são curtos, outros longos. Alguns períodos são fortes, com muitos inconvenientes e perdas sanguíneas que podem até levar a anemias, outros são leves e facilmente suportáveis.

Depois de um alguns anos de menstruação, muitas mulheres começam a ter uma ideia de seu período de frequência, duração e fluxo, quando algo de extraordinário acontece – como a mancha entre períodos, ou um fluxo excepcionalmente forte – é natural querer saber o que está acontecendo.

Variações normais do ciclo menstrual

O ciclo menstrual da mulher é em média de 28 dias, podendo variar de 24 a 35 dias, e o período médio de duração de 3-5 dias, mas pode haver grandes variações do ciclo menstrual de mulher para mulher. Três dias pode ser normal para algumas mulheres, já sete dias já é normal para outras.

A mulher precisa considerar se alguma coisa mudou no seu ciclo menstrual.

A mulher deve realmente monitorar seu próprio ciclo menstrual, pois ela fornece um grande número de pistas sobre se algo não está certo.

Veja algumas mudanças comuns no período menstrual, e o que elas podem significar.

A grande questão, se você não está recebendo menstruação – quantos anos você tem?

Amenorréia e a idade

A causa da falta de um período menstrual (chamado amenorreia) varia de acordo com a idade, primária ou secundária. Não receber menstruação aos 25 e significativamente diferente do que não menstruar aos 50 anos.

Para uma mulher em seus 20 ou 30 anos, sexualmente ativa, a gravidez é sempre uma possibilidade, mesmo se a mulher pensa que ela está protegida, não é uma garantia completa, por isso, no quinto dia de atraso menstrual já pode fazer um teste de gravidez, de farmácia ou diretamente em algum laboratório. Os testes de gravidez de farmácia são de fácil aquisição e realização, além de ser relativamente barato.

Por outro lado, as mulheres na faixa dos 40 ou 50 anos poderia estar no climatério – o período em torno da menopausa. Como está mais lenta a produção de estrógeno no ovário, seus períodos vêm com menos frequência. Períodos menstruais também podem estar mais curto ou mais leve durante a perimenopausa. Uma vez que a menopausa parar por um total de 12 meses seguidos, está na menopausa. A idade média para a menopausa é de 51 anos.

Causas de atrasos menstruais

Desordens alimentares podem ser a causa de atrasos menstruais, principalmente mulheres que não se alimentam bem, ou praticamente não se alimentam com o intuito de emagrecer, correm o sério risco de sofrerem distúrbios menstruais.

Outra possível causa é períodos de exercício excessivo, corredoras, atletas e demais esportistas. Em qualquer lugar de 5% a 25% dos atletas praticam exercícios muito fortes que parar de receber os seus períodos menstruais, a chamada amenorréia induzida por exercícios, este fenômeno é particularmente comum entre bailarinas e corredores. Exercício intenso afeta a produção e regulação dos hormônios reprodutivos envolvidos no ciclo menstrual.

Outras razões para a amenorreia incluem a síndrome do ovário policístico, diabetes, desequilíbrios hormonal (níveis de prolactina elevados causam uma baixa secreção de progesterona, inibindo o ciclo menstrual), ovulação irregular, o uso de contraceptivos orais e depressão, que nos dias de hoje afeta muito mais mulheres. Em casos muito raros, a presença dos cistos ou os tumores no ovário podem também conduzir ao atraso menstrual. Fortes infecções urinárias também devem ser pesquisadas.

Estes são alguns dos motivos que a mulher tem sua menstruação atrasada, evidentemente cada caso requer uma intervenção, e em todos eles é importante o acompanhamento com um médico de sua confiança, visto que, atrasos menstruais podem representar problemas simples e também casos mais graves.

Excluindo gravidez, a natureza do tratamento dependerá essencialmente da causa subjacente, por isso um diagnóstico detalhado desta condição é imprescindível.  O médico assistente fará uma análise detalhada, com exames físicos e em alguns casos exames laboratoriais de urina, sangue, dosagens hormonais, podem ser necessários.